Cruel, porém necessário

3

Quem nunca se apaixonou por um colega de escola que atire o primeiro bilhetinho amassado. Isso, aquele mesmo que você não teve coragem de entregar e guardou na agenda.

Eu tive. Inúmeros. Platônicos, divertidos, cruéis, sublimes. Nenhum concreto, mas… o que importa é que os tive.

Pois então. A versão que o The Fray fez para Heartless do Kayne West (aliás, o cover ficou bem melhor que o original), ganhou um clipe bem legal dirigido pelo Hiro Murai, um japonesinho super legal (ainda faço um post dedicado aos japas aqui) e criativo.

Quase todo em animação, o clipe conta a história trágica de um garoto apaixonado pela coleguinha de sala. Em meio aos cálculos e fórmulas doloridas da matemática, o coração do rapazinho vai trilhando seu complicado caminho. No final, o resultado é lindo, mas nos deixa de coração partido. Se bem que… a vida é isso mesmo.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s